• Aline, Julia, Natália

Um voo para a Itália com um rasante na gastronomia da Emilia Romagna


Sinônimo de mesa farta, a gastronomia italiana é idolatrada pelo mundo inteiro e possui produtos que são até patrimônio da UNESCO!

Foram 15 dias de viagem pela Europa no último mês, 10 deles na Itália. Principal objetivo? Comer bem! Escolhemos a região de Emilia Romagna para desvendar o mistério de alguns produtos que atraem os olhares pelo mundo: o Parmigiano Reggiano e o Prosciutto di Parma. Aproveitamos também para conhecer a recém-inaugurada FICO (Fabbrica Italiana Contadina – “Fábrica de Camponeses Italianos”) – maior parque agroalimentar do mundo!

FICO – Eataly World

A poucos minutos da região central de Bologna, a FICO atrai turistas e moradores pela sua grandiosidade e tema: maior parque temático da gastronomia. São 100 mil metros quadrados com um propósito: contar ao mundo a tradição e a excelência dos produtos agroalimentares italianos, enaltecendo os valores obtidos pela cultura italiana e sua biodiversidade.

Um complexo de 40 fábricas agrícolas, com fácil visualização das etapas de produção dos principais produtos do país – como a produção da mortadela bolonhesa, da pizza, dos queijos, das massas, do gelato... são muitos! Além disso, a edificação conta com cerca de 40 restaurantes, desde street food até restaurantes mais sofisticados, e dois hectares ao ar livre no entorno da edificação são dedicados à criação de mais de 200 animais e cultivo de 2000 espécies, tudo para demonstrar a biodiversidade existente na Itália. Diariamente é possível você participar de pequenos cursos e aulas em algumas fábricas e restaurantes, como produzir sua própria massa ou colher trufas com cães farejadores!

O parque é realmente inspirador. Inaugurado em novembro de 2017 pela união de diversas cooperativas agroalimentares juntamente com o Eataly, ele traz a vigor a essência do país e demonstra a importância da sustentabilidade e biodiversidade para a gastronomia mundial. É um grande campo sensorial que eleva a experiência gastronômica a um nível mais enriquecedor e educacional que qualquer experiência em um restaurante. Aprender e poder valorizar os produtos locais é o ponto forte para a economia italiana, o que deveria servir de inspiração para todos.

“Porque a poesia se origina ali, precisamente, na singularidade do nosso território e do nosso clima, e nas mãos hábeis daqueles que sabem cuidar, transformar e cozinhar, melhor do que ninguém no mundo, a produção da mãe natureza.” – FICO.

Aproveitamos a visita para fazer o circuito guiado – tour pago em grupo – e entender toda a estrutura existente através de uma viagem pelas tradições italianas e pela história do consumo alimentar dos humanos. No circuito, todas as fábricas também estão em funcionamento para você sentir um pouco dos processos que ali acontecem e em algumas até degustar o produto!

Como tudo acaba em pizza, fechamos a visita com uma especial da Rossomodoro e claro, comprinhas de diversos produtos italianos!

Parmigiano Reggiano e Prosciutto di Parma

A ida para a FICO nos inspirou a conhecer algumas fábricas dos produtos italianos, como o famoso queijo Parmigiano Reggiano e o saboroso Prosciutto di Parma.

Atualmente a região Emilia Romagna possui quatro áreas classificadas como Patrimônio Cultural Intangível da Humanidade pela UNESCO, dentre elas a cultura da produção do queijo, conhecido por aqui popularmente como queijo parmesão. Toda a produção é certificada e controlada por um consórcio há mais de 80 anos, e o rigor na qualidade é tanto que as peças com algum “defeito” são obrigadas a terem seus selos destruídos e o produto vendido não pode levar o nome Parmigiano Reggiano.

E lá fomos nós! Saindo de Bologna fomos de trem até a cidade de Parma onde agendamos um tour especial pela região para conhecer um pouco mais dessas produções.

No caminho para a fábrica, ou caseifici com são chamados, podemos avistar uma paisagem com grandes pastos com fardos, o alimento dos rebanhos. Vimos também as tradicionais edificações que antigamente abrigavam a produção e moradia de toda a família, intactas e tombadas pelo patrimônio.

Chegando na fábrica vestimos roupas especiais e acompanhamos o processo da produção do Parmigiano Reggiano desde a etapa final do cozimento do leite até a maturação, passando pelas fases de remoção da massa de dentro do tonel, moldagem nas formas, secagem e salinização.

Todo o processo executado de forma artesanal e com muito cuidado, o produto final é comercializado com diferentes idades de maturação, podem ter 13, 24, 36 ou 48 meses. Algumas fábricas podem chegar até 90 meses de maturação conforme a necessidade de algum chef ou cliente em especial. Nós tivemos a oportunidade de saborear a diferença entre os 4 tempos de maturação, quanto mais antigo mais amarelo, duro e saboroso é o queijo! Delícia!

Nossa segunda parada foi na fábrica de produção do Prosciutto di Parma – o famoso presunto de Parma também idolatrado pelo mundo! Ele também é regido por um padrão de qualidade e tradição que são fiscalizados por um consórcio, onde apenas a região denominada Parma pode obter o selo, já que o especial do presunto está exatamente no diferencial provido pela posição geográfica e condições climáticas.

A localização da produção influencia desde a criação dos suínos até o processo de secagem das patas, que necessita de umidade e temperatura controladas. Todo esse procedimento garante as características que definem o sabor único da carne do presunto, considerado o mais doce e aromático da Itália.

São essas experiências sensoriais, educacionais e claro, gastronômicas, que tornam a Itália um lugar especial aos amantes da velha e boa gastronomia. Atualmente a Itália busca além da valorização de suas tradições, uma alimentação saudável, e isso já se repercute em quase todo o seu território com a disseminação de produtos orgânicos, o que dá ainda mais prazer em desfrutá-la!

Arrivederci! E Buon Appetito!

Site FICO : clique aqui

Site Consórcio Parmigiano Reggiano: clique aqui

Site Consórcio Prosciutto di Parma : clique aqui

#queijo #parmesão #parmigianoreggiano #parma #ProsciuttodiParma #itália #bologna #eataly #FICO

0 visualização
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle